Eternidade – Mais uma encomenda finalizada

Esses dias recebi uma encomenda que para mim foi um grande desafio. Fazer um desenho que transmitisse a mensagem que   a pessoa me encomendou queria que fosse transmitida.

Até ai tudo bem, o problema era que as imagens que foram me passadas estavam com uma resolução muito ruim, e não bastando isto, tive que montar uma imagem baseado em três fotos, conforme podes ver abaixo:

O outro detalhe deste desenho é que ele foi feito no tamanho de 70 cm x 95 cm.

Quando o cliente recebeu ficou muito satisfeito com o resultado final, e neste caso, posso dizer que o desafio foi vencido!

Se gostou, deixe seu comentário, se não gostou, pode comentar também! HEheHe

Veja mais obras na minha Galeria.

Desenho esfumado com PH

Este é mais uma das encomendas que fiz.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nela eu experimentei uma forma de esfumar diferente. Geralmente eu uso o esfuminho, porém o problema do esfuminho é que com ele demora muito, pois sua superfície de contato é muito pequena.

Neste desenho eu usei a técnica de esfumar com PH!

Para você que se perguntou agora que técnica é essa, não se apavore, é simples: Papel Higiênico!

Eu usei um pedaço de papel, 30 cm mais ou menos, e fui dobrando até ficar bem fininho, como um canudo. Feito esto dobrei ao meio o papel para ter uma ponta arredondada. Fiz outro rolo de papel maior para superfícies maiores que não não necessitem de muita precisão no sombreamento. Posso dizer que fazendo desta forma eu economizei pelo menos 30% do tempo que eu costumo gastar em um desenho assim. Totalizando, foram mais ou menos 17 horas.

Se alguém se interessar, posso explicar mais em um outro post sobre esta técnica!

Se gostou comenta, compartilha no seu face, twiter… valeu!

Técnica do Pincel Seco

Técnica muito parecida com a de desenho com grafite, a pintura do pincel seco ou Drybrush, é descrita pelo artista plastico Igor Kazarin, como sendo uma tecnica moderna do seculo XX, e com efeito agradavel da tecnica de percepção do desenho. A sua experiencia são de 20 anos em retratos e tem como média de 4 a 6 horas de tempo de execução de cada trabalho.

Para quem deseja começar a se aventurar nesta nova técnica, ele diz que quem já tem habilidade com o grafite terá menos dificuldade em aprender o ‘Pincel Seco’.
Dados da tecnica:

  • Nome: Drybrush
  • Origem: Moscou, Russia
  • Data: meados do século 20
  • Tema: Retrato
  • Pré-requisito: noções de desenho de retrato e técnicas secas.

Material para tecnica pincel seco:

  • tinta a óleo cor preta;
  • óleo de maquina de costura (lubrificante interno);
  • pincéis de cerdas sintéticas;
  • tela ou papel Fabriano;
  • lápis HB para esboço;
  • borracha.

Modo de pintar:
Realize com lapis HB o esboço do retatro com base de uma foto, depois prepare a sua paleta: “…em uma paleta de qualquer tinta de óleo preta é espremido uma pequena quantidade de tinta, se desejar pode adicionar umas duas ou três gostas de óleo de maquina como solvente. O segredo está em molhar o pincel na tinta o menos possível, e esfrega-lo bastante na paleta antes de ir para o papel, de forma que o pincel esteja bem seco e homogêneo.

Para compreendemos exatamente, nada melhor que assistir o vídeo do artista Igor realizando o retrato de Johnny Depp:


Pastel Seco colorido

 

Embreve estarei postando um tutorial completo sobre está técnica…, aguardem!!

Desenho de 1 Metro

Já imaginou uma belo quadro como este na parede da sua sala? Encomende um desenho Realista!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Agora com opção de Pagamento com cartão de Crédito.

Downloads Online

Olá caros colegas,

Depois que o FBI derrubou os servidores do MegaUpload, tivemos todo este tempo com nosso conteúdo para download offline.

Mas tenho a satisfação de lhes informar que todo o conteúdo disponibilizado para download neste site já está online novamente, agora através do 4Shared.

Logo estarei disponibilizando mais materiais…

Carpe Diem!

Presente para o Dia dos Namorados

dia dos namorados blog

Quer surpreender nesse dia dos namorados com um presente realmente relevante?  Dê um Desenho artístico de Presente!

Para mais informações clique no link abaixo, ou na imagem acima:

Quero encomendar um desenho

Ou  se Preferir, entre em contato por e-mail ou telefone: ornammm@gmail.com      (44)9937-6077

.

Siga-me nas minhas redes Sociais:

FacebookOrkutTwitter

.

 

Divulge, publique o link em seu facebook, twiter, orkut!…

1º Concurso de Desenho ArtefatoBR

sl-11

O site ArtefatoBr estará organizando um concurso de desenho com premiação

O site ArtefatoBR tem como ideia principal promover todos os tipos de arte. No site você encontrará uma rede social integrada, para conhecer novas pessoas, divulgar fotos e vídeos sem limites. Sempre levando ao usuário serviços gratuitos.

Pela primeira fará um concurso de desenhos, com a finalidade de incentivar e divulgar talentos dos artistas brasileiros.

No concurso os artistas terão que por a prova os seus conhecimentos em arte e deixar a criatividade fluir.

O tema será : A Arte da Expressão Humana

Obs.: Sugerimos que o desenho seja inventado e não somente copiado, assim o artista ganhará mais pontos em criatividade e originalidade, porém isso não impede o artista copiar de uma foto e altere suas características originais.

O desenho será avaliado nos seguintes critérios : originalidade e criatividade e grau de realismo.

Prazo para entrega: 20/05/2011

Votação : 23/05 ao 17/06

Resultado: 19/06

Para mais  informações leia o Edital ou acessem www.artefatobr.com.br

.

Siga-me nas minhas redes Sociais:

FacebookOrkutTwitter

.

Os Top 5 Desenhistas Realistas – Ganhadores do 3º Concurso de Desenho Realista

Esses são os vencedores do 3º Concurso de Desenho Realista com maior repercução via Web no Brasil.
Esses campeões passaram por uma acirrada votação popular, totalizando 3349 votos em 15 dias de votação. Os 5 melhores desenhos obtiveram 48,03% da totalidade dos votos, sendo caracterizados como a escolha da maioria.

Então está ai, os 5 melhores desenhos realistas, eleitos pelo público desse site.

1º – “Resiliência” – Fabiano Millani

30-resiliencia - FAbiano Millani Artista: Fabiano Millanieu

Santo Ângelo – RS

Técnica – Lápis Grafite

“Ver com outros olhos,
esquecer símbolos e vícios de visão
se entregar completamente e com profunda
intensidade as imagens.”

Votação: 515 votos

Percentual 15,38%

 

2 – “Pureza de Nicole” – Maria C. Murta

10-Lia CAstro - Pureza de Nicole

Artista: Maria C. Murta   DSC07963

Montes Claros – MG

Técnica – Lápis Grafite

“Criando meu próprio traço eu traço linhas…

expressões… sentimentos…

Aprimorando sempre o dom que Deus me brindou!”

Votação: 457 votos

Percentual 13,65%

.

3º -“Criança Indiana” – Warley Diego

20-Warley Diego - criança indiana (Dalit)

Artista: Warley Diego  qw

Abadia dos Dourados- MG

Técnica – Lápis Grafite

“Utilizo da arte como um meio alto realização,

não procuro nada além do que me superar!!!

Votação: 288 votos

Percentual 8,60%

 

.

“A imagem refletida de uma infãncia perdida” – Ronaldo Henrique

16-Ronaldo Henrique -A imagem refletida de uma inocência perdida

Artista: Ronaldo Henrique  07032011151

Varginha – MG

Técnica – Lápis Grafite

A arte não é um trabalho manual,

ela é a transmissão de sentimento que o artista experimentou

Votação: 288 votos

Percentual 8,60%

.

5º – “” – Cleudemir dos Santos

31-Desenho pro top 5

Artista: Cleudemir dos Santos

Técnica – Lápis Grafite

Votação: 173 votos

Percentual 5,17%

Contagem regressiva para início do 3º Concurso de Desenhos Realistas

Olá amigos, está chegando o dia para Iniciar o 3º Concurso Top 5 – Desenhos Realistas.

Lembrem-se: O prazo para enviar os desenhos foi prorrogado para até dia 1o de fevereiro, e já no dia 15 o concurso estará na rede.

Foram até agora mais ou menos 20 inscrições! Corra que ainda dá tempo de participar!

Siga-me nas minhas redes Sociais:

FacebookOrkutTwitter

    .
    .
++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs

>>3º Concurso TOP 5 de Desenhos Realistas<<


++ vEjA mAiS diVErsOs

>>Seja Assinante desse Site Gratuitamente<<

>>Agora você já pode encomendar seu Desenho Realista<<

3º Concurso TOP 5 de Desenhos Realistas

image

Depois de um tempo de jejum, esta aberto o período de inscrição para a 3º edição do maior Concurso de Desenhos Realistas via Web do Brasil, “Top 5 desenhos realistas”!

Leia com bastante atenção… é rapidinho!

Somando-se as votações da 1º e 2º Edição do Concurso, foram quase 5.000 votos. Além de ser uma grande oportunidade para você assumir um bom desafio junto a grandes desenhistas de todo o Brasil,  você estará divulgando seu trabalho.

Esta 3º Edição terá como tema “A inocência de uma Criança”*, e serão eleitos os 5 melhores desenhos, verificando a melhor representação (a escolha da imagem) e o desenho mais Realista.

A votação será aberta a todo o público da Web, permitindo apenas um voto por IP/Cookie.  Para votar a pessoa deverá escolher os quatro desenhos que mais gostar. Os ganhadores receberam uma página especial neste blog, onde ficará exposto o ranking dos 5 melhores desenhos Realistas para o tema “A inocência de uma Criança”*, e acima de tudo, o  reconhecimento com a divulgação de sua obra. Este site recebe em média 700 acessos diários, contribuindo para uma votação mais justa considerando a participação de pessoas livres de interesses pessoais.


Para participar,

Basta enviar “SEU” desenho para o email abaixo, junto o nome  e região do artista, e a identificação do desenho**.

Enviar para o e-mail: ornammm@gmail.com . . . . Assunto= “A inocência de uma Criança”

Período de inscrição: Até 1O de Fevereiro de 2011.

Início da votação: 14 de Fevereiro 2011.

Então se ainda não tem um desenho sobre o tema, da tempo para fazer um com bastante calma.

Divulgue este concurso para seus amigos, em seus websites, redes sociais… vamos deixa-lo ainda melhor!

Qualquer dúvida, deixe um comentário!

* Qualquer desenho com criança que de forma direta ou indireta, remeta ao tema do concurso
**Os desenhos passaram por uma pré-classificação antes de entrar na votação.

Siga-me nas minhas redes Sociais:

FacebookOrkutTwitter

.
.
++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs

>>Os Top 10 Desenhistas Realistas – Ganhadores do 1º Concurso de Desenho Realista<<

>>Os Top 5 Desenhistas Realistas – Ganhadores do 2º Concurso de Desenho Realista<<

Mil Desculpas

Caros colegas internaltas,

Peço mil desculpas por à duas semanas não postar conteúdo novo, e nem ter respondido aos comentários ainda (mas vou responder hoje), mas tem um motivo: Estou na correria para terminar minha monografia, e não está me sobrando tempo… .

Mas assim que passar essa correria toda, voltarei com tudo, trazendo muito mais novidades!!!

Agora você já pode encomendar seu Desenho Realista

Finalmente, foi aberta a opção neste site para quem deseja encomendar um desenho realista!

É notável quão maravilhoso é receber ou dar um belo quadro de presente, principalmente quando a obra de arte em questão tem tudo à ver com quem a recebe!

As principais encomendas que recebo são:

  • Para presentear namorados;
  • Presente de Casamento;
  • Desenho dos Filhos;
  • Personalidade artística favorita (Ex: Charles Chaplim, Marilin Monroe…)

Para encomendar, e obter mais informações clique na imagem abaixo

Clique para entrar

Siga-me nas minhas redes Sociais:

FacebookOrkutTwitter

Lhes Apresento: Valéria Ferdades, amante do desenho Realista

Studio_by_valeriafernand

.

.

Um dia, pesquisando na internet sobre desenhos realistas, me deparei com um desenho desta artista, e fiquei maravilhado com a riqueza de detalhes e a sensibilidade de seu trabalho.

O desenho que me fez ter interesse em conhecer mais do trabalho de Valéria Fernandes foi o desenho “Karen” postado abaixo.

Achei incrível as sombras e os reflexos de luz feitos no rosto da criança, bem como os pequenos fios de cabelo.

.

.

Quem sou eu

Rabisco do jeito que gosto, fazendo aquilo que amo. Sou desenhista e retrato de forma realística todos meus modelos. Ao verem meus trabalhos descobrirão minha maneira de rabiscar.

“Uma viagem incansável aos infinitos tons de cinza e aos grandes achados, que é exatamente o que me proporciona o contato do lápis com o papel!” (Valeria Fernandes)

Valéria Vernandes é uma desenhista que não gosta muito de “se aparecer”, tanto que não foi fácil conseguir fazer este post, mas mesmo assim, já foi convidada para participar de programas de televisão (Foto acima), saiu em reportagens de revistas, e participa de exposições de arte.

Programa_de_TV_by_valeriafernand Revista_Caras_by_valeriafernand

Todo artista deve ter um lugar especial para fazer seus trabalhos, um lugar inspirador onde se pode trabalhar as idéias livremente. E não se pode dizer que se conhece um artista sem conhecer seu ateliê, pois o ateliê faz parte da vida e da personalidade do artista:

Eu_by_valeriafernand

E por fim, maravilhemo-nos com as suas Obras:

Clique na Imagem para amplia-la!

Wolverine_completo_by_valeriafernand
Wolverine
Carro_by_valeriafernand
Carro
Edward_by_valeriafernand
Edward
Detalhes_de_Sharon_Stones_by_valeriafernand
Detalhes de Sharon Stone
Salvador_Dali_by_valeriafernand
Salvador Dali
Sophia_Loren_by_valeriafernand
Salvador Dali
Karen_by_valeriafernand
karem
Sr__Aroldo_by_valeriafernand
Sr Aroldo
Sharon_Stones_by_valeriafernand
Sharon stone

Ornam Matos da Maia

E-mail: ornammm@gmail.com

Siga-me:

Facebook
Orkut
Twitter

Se gostou, deixe seu comentário!

++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs
>>Veja o trabalho de um desenhista que acompanha este Site<<

Desenhando Elipses

“Eu fico me perguntado por diversas vezes que meio utilizar para melhorar a perspectiva e apresentação de um desenho com seus mais variados elementos, mas sempre a Elipse fica em primeiro lugar, no topo das opções. As Elipses podem ter a aparência de ser muito difícil, mas, como a maioria dos problemas que temos, elas podem ser decompostos em formas mais fáceis de trabalhar conforme explicarei abaixo.” (MJ Sibley Dip.AD.)

A Ellipse

Com faço para desenhar uma elipse?

Muita atenção O olho do observador pode detectar qualquer irregularidade em uma “forma” desenhada, seja ela um quadrado cujos lados não tem o mesmo comprimento, um “círculo” que não é circular e no caso,  uma elipse irregular, também será facilmente notada. Ou seja, quando a imagem está irregular, foge do que o olho esperava ver, por isso fica tão nítido a irregularidade. Em suma, um “círculo” representa a realidade global da cena e fazê-lo com perfeição permite que essa realidade global seja mantida. O mesmo é verdade para a elipse.

O que é uma elipse?

Uma elipse é simplesmente um círculo em perspectiva. Este é um conceito importante que você deve manter em mente.

Uma elipse, portanto, deve obedecer às mesmas regras como um círculo – que consiste em arcos, não contém linhas retas e, se divide em quatro partes, cada segmento é idêntico ao dos outros três.

Dividir o problema

Assim, como com o círculo, uma elipse contém quatro segmentos idênticos. Para este estudo desenhe uma elipse com uma elipse modelo. Ou use um programa de computador como o Paint, por exemplo, para fazê-la e depois imprima. Agora, desenhe uma linha vertical através da elipse para dividi-la igualmente na metade, em seguida, uma linha horizontal. Fica claro que cada quadrante é igual aos demais – apenas a orientação é diferente. O segmento superior esquerdo é uma imagem espelho do canto superior direito, que é uma imagem espelho vertical do segmento inferior direito abaixo … Você acabou de reduzir o problema em 75% (3/4) – e está ficando mais fácil a cada minuto!

Estudo da geometria

Agora vamos desenhar uma caixa em torno de nossa elipse, para que possamos estudar corretamente a geometria de um desses segmentos. Se você for destro, eu sugiro que você se concentre no canto superior esquerdo – utilizando o movimento natural do pulso, este é o primeiro arco que você fará. Observe que ambas as extremidades são “lisas” para os lados da caixa – uma elipse nunca forma a um ponto na parte superior ou inferior. Note também como o arco, enquanto viaja de cima para baixo, delicadamente desenrola a partir de uma curva apertada para uma curva suave. Ele faz isso sem problemas, sem indício de uma seção reta.

As primeiras tentativas

Este exercício consiste em fazer a elipse de forma inclinada, ou seja, criando a perspectiva de profundidade.

Mãos a obra

(1) Desenhe um quadrado em perspectiva em uma folha de papel. Um quadrado de aproximadamente 8cm de altura por quatro centímetros (8 cm x 4cm). Não faça muito grande, para que você possa visualizar melhor e não tenha que ficar movendo os braços para riscar.

(2) Divide-lo verticalmente pela metade (teoricamente, isso não está certo, mas é perto o suficiente). Em seguida, divida-o ao meio horizontalmente.

(3) Agora vamos começar: Primeiramente pela parte esquerda do segmento superior, mas, se você for canhoto, você pode preferir começar canto superior direito. Observe novamente a curva que a elipse deve produzir e tente repetir no seu desenho. Obter essa primeira curva à direita é o truque principal – tudo o que virá depois serão apenas cópias da primeira.  Dica: Quando estiver desenhando, não olhe diretamente para a ponta do lápis, ou para o risco que está sendo formado. Olhe para onde você pretende chegar, antecipe um pouco a visão. Isso pode ajudar a ter mais precisão.


Agora gire o seu papel no sentido horário em 90 ° e copiar a curva que você acabou de desenhar, mas em sentido inverso, conforme a imagem acima.

… gire novamente o seu papel mais 90 ° e copie para o outro lado a curva, como um espelho.

Por fim, vire o papel novamente e copie mais uma vez, como um espelho, a curva que você acabou de desenhar.

Olhando, está correto? Bem, nessa caso, totalmente não está – eu teria que fazer melhor esse trabalho – mas está muito bom, para uma primeira tentativa.

Faça suas linhas se enquadrar em cada um dos seguimentos/quadrantes! Se você está tendo dificuldades para fazer, e ao ver seu desenho ele parece estar errado, tente ver a sua elipse em um espelho ou ligá-lo de cabeça para baixo para dar o seu olho de um novo modo de olhar para ele. Se o papel é fino o suficiente para ver através, você pode dobrar o papel e olhar através da luz. Embora não pareça, mas os dois lados devem ser exatamente  iguais. Comparando dessa forma ficará fácil detectar quaisquer erros. Tendo encontrado o problema, apague as linhas erradas deixando apenas as linhas corretas para se guiar quando for corrigir. Você pode fazer uma sombra para se guiar também, ao dobrar o papel. Apenas uma sombra para guiá-lo. Se tiver alguma coisa errada você vai perceber, mas se parece certo, é porque está certo mesmo!

Quanto mais você praticar essas elipses, mais fácil de desenhar elas se tornaram. Eu acho improvável que seja realmente possível desenhar uma elipse perfeita pela primeira vez, mas suas primeiras tentativas ficaram melhores gradativamente.

O fator Linha do Horizonte

Até agora temos apenas a nossa elipse desenhada como um círculo dentro de um distorcido quadrado vertical. Mas, para as elipses horizontais funcionar corretamente, você deve também levar em conta a distância acima ou abaixo da linha do horizonte. É como você pegar uma lata de refrigerante: Se colocá-la mais alto que seus olhos, você verá o fundo da lata. Se colocar abaixo dos olhos, veras a “tampa” da lata, mas se colocar na altura dos olhos, veras  o meio da lata, e é isto que estaremos representando aqui:

  1. marque a sua linha do horizonte, com uma linha horozontal (Na metade da folha)
  2. Defina um ponto de fuga (VP) e desenhe uma linha vertical através dele.
  3. Desenhe dois quadrados de largura idêntica em perspectiva – um acima e outro abaixo da linha.
  4. Divida estes quadrados na metade em ambos os sentidos como você fez no exercício anterior.

.

.

  • Construa dentro de ambas quadrados, as elipses
  • Agora faça o contorno, e aplique uma sombra, dando o efeito tridimencional.

.

.

.

.

Observe como a elipse “flui” para o lado. Nunca há uma associação nítida. Não pode restar uma ponta, conforme na primeira imagem.


Repita o exercício, mas desta vez com uma visão de baixo da linha do horizonte.

Aqui a linha do horizonte está tão abaixo, que ambos os lados estão acima da linha do horizonte.

Isto é igualmente correto se você inverter as elipses onde ambos os lados estão abaixo da linha do horizonte.

E correto para a esquerda …

… Ou para a direita da sua posição de visualização.

E a prática …

Depois de entender a geometria básica das curvas envolvidas provavelmente você vai ter mais facilidade de fazer diversas figuras. Aqui quero mostrar alguns exemplos que mostram a utilização da elipse na criação de desenhos.

Se você precisar desenhar alguma elipse muito grandes, você pode fazê-la primeiro pequena, assim terá uma boa noção para fazê-la grande. Depois para ampliá-la, você pode usar outras técnicas também, como de proporção, quadriculado, ou apenas pode tira-la somente olhando, vai depender de como tem mais facilidade.

Elipse dentro da elipse

Finalmente, haverá momentos quando você precisara desenhar uma elipse (ou mais) dentro de outra. Por exemplo, ao desenhar um círculo, objeto oco, com paredes com uma espessura considerável, como um vaso de barro. Neste caso específico, você precisa desenhar apenas a metade superior da elipse exterior. A parte a deve ser mais estreita do que a parte b. A metade inferior da elipse externa precisa ser “vista” apenas em sua mente como ela é definida exclusivamente pela iluminação e sombra da face frontal.


É essa elipse perfeita? Não – mas eu decidi deixá-lo. Pouco na vida é perfeito e potes de fornos, muitas vezes mostra falhas. Neste caso, deixei assim, pois potes de barro não são perfeitos …

Mas aqui o latão de leite e roda tem que ser tão perfeito quanto eu possa desenhá-los.

Exemplos de desenhos feitos utilizando o que aprendemos sobre a Elipse…


.

.

.

.

.

.

.

(Este artigo foi criado originalmente por MJ Sibley Dip.AD. Eu o traduzi e adapitei em uma linguágem contemporanea e mais didádita, com o objetivo de facilitar o entendimento. Boa parte do texto foi aplicada minha própria interpretação da técnica, não sendo expressa nesses casos somente a idéia do autor)

++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs

>>DESENHANDO GRAMA E CAPIM – “Desenho Negativo”<<

>>Se vai Sombrear, faça essa sombra direito Poohh!!!<<

>>Desenhando Pelos de animais – Dicas de MJ Sibley<<

>>Tecnica do Circulismo<<

++ vEjA mAiS diVErsOs

>>Seja Assinante desse Site Gratuitamente<<

>>Me siga, Me adicione nas maiores Redes Sociais<<

Veja o trabalho de um desenhista que acompanha este Site

Essa semana recebi de um de nossos internautas um email com as imagens dos desenhos abaixo. O autor disse que em parte, deve-se as técnicas e dicas publicadas aqui neste site!

Achei o trabalho desse artista muito expressivo. Na minha opinião é essa expressão que falta na maioria dos desenhistas realistas! Digo que o artista está de Parabens pelo trabalho!

Achei muito bom o trabalho deste artista, por isso resolvi publicalo:

cidadão de papelão dogXc

“Olá amigo, visitei sua página e fiquei impressionado com o conteúdo e qualidade dos trabalhos, sou desenhistas também e faço meus trabalhos com tecnicas que aprendi de um de outro e inclusive suas.Estou mandando um dos meus trabalhos se quiser postar fique a vontade.Muito obrigado pela dedicação.Abraço!” (Gianni Carvalho)

Desenhos feitos por Gianni Carvalho, professor de Edu. Artistica – Taubaté-SP

Veja esse desenho em etapas:

OgAAAOUHM0jdpMaUMjgFcoFZWdb0BPELg2jwkcvVcIQeYcCqZc6PLBNVgayTIXrcOnmvOmdJbwPCdUmuwB3aaQAglz4Am1T1UNKDRFjgzLIqE8np9WnNYXKJi4f3OgAAANH1PIiJXVUZ4IE9IT_RQIzzld8uP6fV6Dj9dCbnpzt_W2U7MNSFBubgdoWuWeETIQx0rgYUr_jboyb32ijzO4UAm1T1UP89hY9pmf96_9OuRGld7aL3hNiYOgAAAPN8NqjwjWgbi_fioCn5_EulQYAhOB5n-MiEMrCmGE1ImjdyXqU_2OLmqKzBrHh4JdYORy9RkqEXIDhDBFIEyG8Am1T1UGhy5Fs_9cZ6t8aZ_RJX2muZ01qr OgAAAIj3IU_bwaMwIruy1IvUVU6sWGxQu4ODatAc-KA_UhEIhxGxmZ_FxUPSa0DJUl5P9MZyoU-BcOyiOc68W9bZQ3wAm1T1UAitFN9eLNZn7ktmRwcPa_R4m1kGfasessd4Cb

Siga-me:

Facebook Orkut Twitter

Se quer fazer hachuras, manda vê com esse Tutorial

Como eu já disse algumas vezes, gosto muito e admiro desenhos feitos em hachuras, acho super artístico! Acho muito difícil essa técnica, mas com umas dicas é possível fazer desenhos magníficos com ela!

Essas dicas foram estraidas de uma revista de desenho, tornando-a mais acessível para todos que gostam dessa técnica.

image image image image image image image image

Siga-me nas Melhores Redes Sociais

image

Facebook

Facebook – A comunidade do Futuro

Orkut

Orkut –  A maior rede de Relacionamento no Brasil

Twitter

Twitter – Para quem deseja estar sempre ligado

DeviantART – A Maior Comunidade de Artistas do Mundo

Atualmente temos várias opições para estarmos sempre conectados e muito bem informados!  E  Dessiner não fico de fora dessa modernidade toda!

Estou publicando os links para os meus Perfis nas melhores redes sociais da atualidade! Me Adicione, Me Siga, Watch me +, ou como entender melhor…

Vamos fazer juntos a maior rede de Desenhistas à Grafite do Brasil!

Deixe um comentário!

Ornam MMaia – Dessiner.

.

++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs

>>Seja Assinante desse Site<<

Desenho Negativo – Um desafio diferente!

1.image 2.image

Segue aqui, mais algumas dicas e detalhes sobre desenhos negativos.

Conforme eu já havia dito, não estou tendo muito tempo agora para preparar materiais meus para postar aqui, já que estou fazendo meu trabalho final da faculdade, e por isso estou aproveitando a oportunidade para traduzir e adaptar alguns textos com conteúdos interessantes, de artistas americanos. Segue mais este:

Quando  for fazer um desenho negativo, não se concentre no formato do objeto em si. O que você deve prestar atenção é no que está no contorno do objeto do desenho. Quando todo o espaço ao redor do objeto for sombreado, o objeto será definido pela forma positiva, ou seja, pelas partes mais claras.

Na figura 1, existem dois círculos. O círculo branco é formado pelos negros ao seu redor, portanto é um desenho negativo. Já o segundo círculo, é um exemplo de figura positiva, pois o que define o círculo negro e o branco a sua volta.

Pense no desenho negativo como um desenho branco sobre um fundo preto. Uma forma onde se pode usar o desenho negativo, por exemplo e quando queremos fazer brilho em alguns fios de cabelo que refletem luz, em meio a uma vasta sombra escura!

Figura 2 talvez lhe seja familiar. É o pequeno Neil Young. A maior parte deste desenho foi feito negativamente, pois é definida pelo sombreamento em torno dele. A guitarra, o rosto e as mãos foram todos desenhados de forma negativa. Eles foram deixados em branco.

Créditos:

FONTE: Este artigo foi baseado na obra de Brian Duey. Aqui adaptei o texto com minhas próprias interpretações, com o intuito de torná-lo mais didático.

Se gostou desta dica, deixe seu comentário!

.

++ vEjA mAiS ReLAcIonAdOs

>>DESENHANDO GRAMA E CAPIM – “Desenho Negativo”<<

>>Desenhando Pelos de animais – Dicas de MJ Sibley<<

++ vEjA mAiS diVErsOs

>>Seja Assinante desse Site Gratuitamente<<

>>Baixe Imagens em Alta Definição Excelentes para Desenho Realista<<

fce7b5407a0c75af66fe0c8fb9061924

DESENHANDO GRAMA E CAPIM – "Desenho Negativo”

O título deste artigo é bem específico, mas as técnicas descritas aqui se aplicam tanto para o desenho de cabelos como para desenho de grama. Aqui também falarei mais sobre desenho negativo, ou seja desenho em torno de um espaço em branco, que só é perceptivel em sua mente quando rodead0 com notas positivas.

Então o que é desenho negativo?

O que você vê quando você olha esta imagem à direita? Você vê uma taça antiga e preta? Talvez um castiçal do ébano? Estas são imagens positivas. Ou você vê dois rostos brancos olhando um para o outro? Esses rostos seriam a área negativa, chamadas de  “White Space” (Espaço Branco). Imagine  duas faces de uma folha de papel branco e, em seguida, preencha o espaço entre elas de preto. Assim os rostos são revelados. Este desenho é Negativo – veja o espaço e não a linha. Aprender a ver o espaço em branco é um importante exercício, e para aprender é necessário treinar o olhar.

DESENHAR A GRAMA

Você pode fazer a grama na direção desejada a partir da “superficial” (a superfície serve para determinar o lugar no espaço que o objeto está firmado) …

.

.

.

ENGANANDO À VELOCIDADE DO CÉREBRO

Consiste em confundir o elemento racional que tenta controlar o lado criativo. Deixe o seu subconsciente trabalhar, ele sempre sabe mais. Considere o seguinte exemplo:

“O princípio de estacionamento”

Tente tirar um carro de um estacionamento apertado devagar e com cuidado. Você irá falhar muitas vezes. Agora experimente fazer de forma mais rápida e espontânea, e você vai alcançar o sucesso pela primeira vez. O mesmo se aplica ao basquete, o índice de arremessos certeiros com bola parada é menor do que com a bola em movimento, em mesmas condições. O que eu quero dizer é que a prática conduz à confiança. Mas se você tentar manobrar um carro rapidamente e falhar não me mande as contas! srs

Este princípio demonstra a falha que existe quando deixamos a mente trabalhar consciente de suas ações e ditar o que fazer. O sucesso vem em permitir a sua intuição natural governar. Em outras palavras, você está tentando demais – apenas deixe fluir. A beleza do trabalho  com grafite é que você tem uma mente quase perfeita que mantêm contato com mão na construção da imagem. Não deixe sua consiência interferir na sua criatividade – você imagina, você desenha, torna-se realidade em um processo ininterrupto e contínuo.

Traçar & refazer “devagar e estável”

Eu tenho duas formas básicas de trabalho – ambas igualmente justificáveis – “riscar e refazer” e  “estacionário “. O primeiro muitas vezes funciona muito bem e é o único que eu recomendo para a elaboração de grama – que contém um elemento de espontaneidade e  alguns resultados surpreendentes podem surgir. É rápido, é imediata e requer apenas um pouco, se for o caso, de retoques (o refazer “elemento”). Voltaremos ao “Devagar e estável” e posteriormente combinaremos os dois.

Imagine que existem apenas duas marcação que podemos fazer: um para cima e outro para baixo.Vou traçar para cima para “desenhar” as hastes que brotam até a base de uma touceira de capim. E para baixo, definindo os topos das hastes na touceira abaixo do que eu estou desenhando. O traço ascendente desenha uma marca positiva, o descendente atrai  o negativo.

Traços feitos rapidamente… Depois amplio a área inicial destacada… Volto para a base e defino melhor os espaços brancos

Na parte de baixo, o processo começou novamente – traços positivos na base contrastando com as negativas acima e começa a definir novos espaços em branco entre ambos ramos… Um certo grau de trabalho na seção central combina os dois juncos de capim, e uma pequena quantidade de tom foi adicionado para dar corpo à grama negativamente desenhada.

Um certo grau de trabalho na seção central combina os dois juncos de capim, e uma pequena quantidade de tom foi adicionado para dar corpo à grama negativamente desenhada.

Note os traços ocasionais positivos que se encontram “atrás” das hastes negativas, dando a noção de profundidade … … E na frente para dar profundidade também. Para maior clareza eu desenhei estes exemplos muito maior do que eu faria em condições normais de utilização. Aqui você vê uma versão avançada da técnica de como aplicá-la normalmente.

Tente este exercício para desenvolver sua habilidade no desenho “Negativo” !

Pinte algumas areas deixando hastes brancas entre a pintura … … Preencha os espaços … … E mais … Perceba que as astes brancas são partes que não foram pintadas,  não foram apagadas!

… Até que você defina todo o espaço em branco … … Em seguida, adicione o tom para dar o “ar” realista e espacial.

Risco Devagar e estável  incorporando e refazendo

Considere que a grama aqui está em dois planos distintos – os talos estão no 1º plano, eles dizem aos olhos “isto é o capim” e, atrás uma construção menos visível de forma que o olho não tenha total discernimento da imagem, mas sabe que é capim, porque o plano da frente dá-lhe as pistas que ele almeja. O cérebro é uma máquina voraz – consegue determinar o sentido das coisas, mesmo quando implícita! Vejamos o plano da frente …

Aqui gostaria de começar esboçando as hastes principais; desenhe levemente uma linha de cada lado para delimitar o espaço que constitui o caule e as folhas. Lembre-se de que você está definindo um espaço em branco para que esteja ciente de que é a borda interna da linha o que importa – você está desenhando a linha em torno de uma forma branca. Existe apenas uma consideração importante aqui – o que você começar, você deve terminar. Cada haste que desenhar deve ter um começo e um fim – deve ir a algum lugar. O olho é perito em perceber pequenos elementos, e quando algo está indefinido, sem final, ele não consegue compreender e  a atenção do espectador é prejudicada e o senso de realidade que você está tentando alcançar não será atingido.

.

Tendo definido os talos principais, coloco o plano em retaguarda deixando a grama em destaque. Aqui é onde você deixe sua imaginação solta, trabalhando em um ritmo que impede a intervenção do consciente. Seu objetivo é “natural” . Não seda a tentação de intervir, apenas deixe a natureza tomar conta.  Você só poderá definir adequadamente os tons dos ramos quando você terminar a grama do 2º plano, a  parte de trás.

.

.

.

Como você trabalhou nesta área secundária entre os espaços brancos estabelecidos que representam os talos de capim, introduza agora formas aleatórias de linhas. Coloque-os seguindo o sentido natural das folhagens, que servirá para enganar o cérebro para ver mais detalhes do que existe. Assim como na vida real,  em um desenho não conseguimos distinguir cada elemento em um cenário (especialmente nas áreas de sombras profundas).

.

.

.

Agora imagine, perceba na imagem, que mesmo olhando para aquela área mais escura, podemos diferenciar alguns caules e folhas, mesmo que bem distorcidos. É assim na natureza! – Nem tudo é visto com clareza total.
Se você pode ver a realidade em sua mente, você conseguiu um senso de realidade em seu desenho. É isso o que importa: Criar a realidade na mente das pessoas!

..

.

.

.

Finalmente, é aplicado os tons nas hastes, ajustando o tom da parte de trás se necessário.
Este desenho foi feito na escala de 5cm x 8 cm  e demorou cerca de uma hora e meia para ser concluído.
Então veja bem, um bom resultado não se consegue instantaneamente!

.

.

.

Mais aplicação desta Técnica:


Direitos Autorais: 2002-2006 MJ Sibley Dip.AD

(Este artigo foi criado originalmente por MJ Sibley Dip.AD. Eu o traduzi e adapitei em uma linguágem contemporanea e mais didádita, com o objetivo de facilitar o entendimento)

Qualquer dúvida ou sugestão, se gostou, ou NÂO, deixe um comentário, opine!